IBRAFE organiza cinco edições do Pulse Day no Mato Grosso e Paraná

Por: IBRAFE,

9 de novembro de 2023

Responsive image

O Instituto Brasileiro do Feijão, Pulses e Colheitas Especiais (IBRAFE), divulgou o calendário de eventos de novembro e dezembro. O estado do Mato Grosso, irá receber três edições do Pulse Day, seguido de Santa Catarina e Paraná.

O Pulse Day é um evento voltado para a cadeia produtiva do Feijão e Pulses – produtores, agrônomos, pesquisadores, empacotadores e demais elos dessa cadeia que movimenta o mercado. Durante o encontro serão realizadas palestras, com temas voltados aos maiores interesses desse público, como novidades em pesquisa e tecnologia e atualizações de mercado, tanto nacional, como mundial.

Troca de informações

Ano após ano, a área de Feijões diminui no Brasil, até́ mesmo no Paraná, maior produtor. Este fenômeno traz oportunidades únicas que os produtores profissionais podem aproveitar. Para isso, eles precisam de informações sobre as perspectivas para as colheitas especiais, os tradicionais Feijões produzidos no Brasil e para as novas cultivares disponibilizadas recentemente para o produtor brasileiro com dupla aptidão, mercado interno e exportação.

Agenda

14/11 - Sinop – Mato Grosso

16/11 – Sorriso – Mato Grosso

 17/11 - Lucas do Rio Verde – Mato Groso

 27/11 - Xanxerê - Santa Catarina

 04/12 - Pato Branco – Paraná

Inscrições

O Pulse Day é um encontro de alto nível que reúne anualmente milhares de produtores e está consolidado no calendário agrícola do Brasil. O IBRAFE atende em polos de produção desenvolvidos e em desenvolvimento a demanda por atualização de informações sobre novas cultivares, tecnologias, manejos e sobre comercialização de Feijões e Gergelim no caso deste circuito.

As inscrições para o evento podem ser feitas pelo site https://pulseday.com.br/ , as vagas são limitadas.

Mais
Notícias

CNA, Faesp e Cepea levantam informações sobre mercado do Feijão
17/05/2024

Encontros aconteceram em quatro municípios de São Paulo

Safra 2024 terá produção maior de algodão, Feijão, arroz e trigo, diz IBGE
17/05/2024