PNF se torna referência para supermercados

Por: IBRAFE,

20 de outubro de 2023

Responsive image

Um bom volume de negócios foi reportado ontem em fontes de Minas, Goiás e Mato Grosso. Os preços estão estáveis para nota 9 e acima, seguindo uma valorização gradual. No estado de São Paulo, o que foi colhido foi comercializado, e agora os produtores estimam voltar a colher no sábado, de acordo com a previsão do tempo. Os preços no varejo estão subindo lentamente, refletindo as últimas altas.

Algumas associações de supermercados e redes de supermercado entraram em contato para se informar sobre a real situação do abastecimento de Feijão até o final do ano. Eles temem ceder à especulação irresponsável que, em alguns momentos, pode causar ruídos desnecessários no setor. "Entendemos que as oscilações existem e queremos acompanhar de perto as variações do campo para poder dimensionar se as altas de preços nos fardos correspondem ao que acontece no campo."

Com isso, nossa responsabilidade compartilhada com você, produtor, corretor e empacotador, que relata a realidade de sua região, torna-se cada dia mais importante para o setor. São vocês que mantêm contato diário conosco e estão contribuindo enormemente para a evolução do sistema de precificação dos Feijões apresentado pelo PNF Preço Nacional do Feijão.

Mais
Boletins

La Niña pior em 70 anos
23/02/2024

Feijão-carioca ganha mais espaço nos pratos
22/02/2024

O TÊNUE EQUILÍBRIO deste momento
21/02/2024

Mercado Firme com boa procura para os raros lotes nota 8,5 ou melhor
20/02/2024

Mercado Firme para os Feijões
19/02/2024