Teresinenses precisam trabalhar 91 horas para comprar cesta básica, aponta estudo

Por: Portal ClubeNews - Jonas Carvalho,

22 de janeiro de 2024

Responsive image

São necessárias 91 horas e 5 minutos de trabalho para os teresinenses, que recebem salário-mínimo, comprarem uma cesta básica. No mês de dezembro de 2023, a cesta básica chegou a custar R$ 546,48 – comprometendo 41,4% da renda das famílias que recebiam o mínimo de R$ 1.320.

Apesar de afetar quase metade da renda mínima, os dados revelam que Teresina (PI) tem a quarta cesta básica mais barata do Brasil dentre as 18 capitais catalogadas, ficando atrás apenas de Aracajú (SE), Recife (PE) e João Pessoa (PB), respectivamente.

A média nacional é de R$ 648,31. A capital Teresina apresentou redução de 15% em relação aos dados do país, representando R$ 101,83 a menos, com uma variação mensal de 3,79%. Os dados podem variar com a implementação do salário-mínimo de R$ 1.412 a partir de janeiro de 2024.

O levantamento foi feito pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais e Planejamento Participativo (CEPRO), da Secretaria de Planejamento (Seplan), e divulgado na sexta-feira (19).

Custo médio

A pesquisa considerou a cesta básica composta por alimentos, como carne, leite, feijão, arroz, farinha, tomate, pão francês, café em pó, banana, açúcar, óleo e manteiga. Os produtos e suas respectivas quantidades mensais são diferentes por região.

De acordo com a amostra, considerando o mês de 30 dias, são gastos R$ 17,98 por hora e R$ 64,46 por dia trabalhado. Assim, o teresinense precisa de 12 dias de trabalho para adquirir uma cesta básica.

Assim, o salário-mínimo necessário para atender às demandas de uma família composta por quatro pessoas é de, aproximadamente, R$ 5.033,57, representando mais de quatro vezes o valor do salário-mínimo estabelecido.

Fonte: https://portalclubenews.com/2024/01/20/teresinenses-precisam-trabalhar-91-horas-para-comprar-cesta-basica-aponta-estudo/

Mais
Notícias

Conheça os benefícios do consumo do Feijão como alternativa à proteína animal
23/02/2024

Para vegetarianos e veganos o Feijão é muito importante
23/02/2024

Normalmente visto como a dupla inseparável do arroz, o Feijão também marca presença recorrente no prato dos brasileiros.