Querendo encontrar formas de fazer o Feijão-preto bombar? Leia isso!

Por: IBRAFE,

10 de novembro de 2022

Responsive image

Feijão-preto tem ido muito além da Feijoada para consumidores não usuais!

Durante os últimos dias foram reportados negócios de lotes de Feijão-preto comercial. O interessante é que havia a chance de os produtores com só Feijões comerciais da safrinha terem dificuldades de vender. Já ocorreu de, mesmo vendendo como mercadoria danificada, ainda assim ter dificuldades em achar comprador.

Mas com a grande diferença do preço final, na gôndola, mais baixo do que o carioca, a venda aumentou em várias regiões. Um grande comerciante de Feijão do Sul comentava ontem que nunca viu tanto Feijão-preto ser vendido para o Nordeste. Sim, e completou, que com o passar dos anos, muitos que só conheciam o Feijão-preto nas Feijoadas, agora variam em qualquer dia da semana.

Caiu no gosto de muita gente.

Há uma unanimidade junto a produtores e comerciantes do Paraná quanto à próxima safra de que ela será muito pequena. Até mesmo o Feijão-preto, que teve maior área plantada em comparação com o carioca, será realmente muito pequena. Aguardamos relatórios da SEAB para início da próxima semana para termos mais dados oficiais.

 

Mais
Artigos

Nova Resolução sobre Rotulagem Nutricional - RDC 429/2020
07/12/2022

Cenário brasileiro do Feijão-caupi
30/11/2022

Como alimentar 8 bilhões de pessoas?
29/11/2022

Prêmio Nobel elogia agricultura brasileira, que pode servir de exemplo para África
17/11/2022

SÃO PAULO, SP (AGÊNCIA BRASIL) - O estande do Brasil na 27ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP27) recebeu nesta quarta-feira (16) Rattan Lal, ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2007.

Área de plantio de arroz e Feijão encolheu mais de 30% em 16 anos, com o avanço da soja e do milho
16/11/2022

Grãos que ganharam mais espaço são voltados à exportação; trigo também começa a ser cotado para substituir territórios dos dois alimentos básicos.